Personalize Suas Preferência!

Escolhe a cidade que você deseja como página padrão do site. Você pode mudar a qualquer momento suas preferência.

buscar
 

  • Região:Rondon Noroeste     23-06-2021

Os sete quilômetros que separam Indianópolis à ponte sobre o Rio do Índio, na PR-082, está intransitável por conta dos inúmeros buracos no pavimento, sinalização comprometida e completa ausência da poda regular da vegetação que cobre as margens da rodovia. O assunto é tema constante de discussões entre as lideranças de várias cidades da região e reclamação da comunidade regional que além do risco de transitar na rodovia tem vivido perdas econômicas com a dificuldade de escoar sua safra agrícola e produção industrial por conta da qualidade e da falta de segurança do corredor.     

Preocupado com isso, o prefeito de Indianópolis, Juliano Trevisan encaminhou no começo do mês um ofício ao secretário de Infraestrutura e Logística do Paraná (Seil), Sandro Alex, para que inclua no pacote de obras que o Departamento de Estradas de Rodagem do Paraná (DER-PR) vai dar início em breve para recuperar 307 quilômetros de rodovias da região, o trecho de sete quilômetros da PR-082, que liga o município até o Rio do Índio. 

Trevisan lamenta que o trecho, apesar de estar dentro do lote de rodovias que serão recuperadas pelo DER esse ano, acabou não sendo contemplado com a reforma. O prefeito justifica que os sete quilômetros são muito importantes para a economia regional, porque integra várias cidades da região, além de ser a principal ligação de Indianópolis com Cianorte e São Tomé. Além de Trevisan, o presidente da Associação dos Municípios de Médio Noroeste do Paraná (Amenorte) e prefeito de Tapejara, Rodrigo Pezão Koike também assinou o ofício. 

O prefeito de Indianópolis explicou que anteriormente já havia discutido a possibilidade do recape asfáltico da PR-082, incluindo o trecho de sete quilômetros, com secretário Sandro Alex. Trevisan justifica que o pavimento do trecho está em péssimas condições e a estrada é um importante corredor econômico da microrregião, por onde passa boa parte da produção agrícola da região. 

“Uma estrada em boas condições ajuda a desenvolver as cidades e facilita o comércio de produtos e serviços. Conto com a sensibilidade do nosso secretário apara ajudar Indianópolis e toda a região”, disse o prefeito. 

Legenda
Trecho de sete quilômetros entre Indianópolis e o Rio do Índio precisa de recuperação


Compartilhe com os amigos!

Deixe seu comentário