Quarta-Feira, 30 de Novembro de 2022
Faz 10 anos hoje: Filho sonha com Hebe todas as noites e revela o que diria se pudesse encontrá-la
TV
Faz 10 anos hoje: Filho sonha com Hebe todas as noites e revela o que diria se pudesse encontrá-la
TV / 29-09-2022

Há exatos dez anos o Brasil dava adeus à Hebe Camargo. A apresentadora, que lutava contra um câncer desde 2010, morreu no dia 29 de setembro de 2012, aos 83 anos, após sofrer uma parada cardíaca em casa. Filho único de Hebe, Marcello Camargo conta que não tem um dia que não pense na mãe. Como ele diz: “é uma dor que não cura nunca, mas aprendi a conviver com ela”. Em entrevista ao Band.com.br, ele relembrou momentos ao lado de Hebe, como enfrentou esses anos sem a presença dela, os sonhos com a apresentadora e da falta que a mãe lhe faz. 

 

Marcello Camargo e Hebe

“Dez anos sem ela. Não é fácil, a ausência física dela para nós é muito difícil. Ela era nossa alegria, mas minha sempre dizia que não gosta de tristeza, só de alegria. Estaremos sempre unidos e lembrando as coisas com muita alegria, celebrando o nome dela, a vida. Minha mãe realmente adorava celebrar a vida. É uma dor que nunca vai curar, mas aprendemos a conviver com ela”, emocionou-se. 

Família, amigos e fãs se viram órfãos de um dos maiores ícones da televisão brasileira que fazia rir e que transformava um momento de dor em conforto com suas sábias palavras. Sinto falta dela todos os dias, das risadas, dos beijinhos, sinto falta de ligar de onde eu estava, só para falar ‘oi, mãe, cheguei’, diz.

“Melhores Amigos”

Marcello Camargo sempre teve relação de amizade e parceria com a mãe. "Era de muito amor, intensa, um admirava o outro. Eu tinha orgulho imenso dela, de vê-la brilhando. Não tem nada que eu não tenha dito para minha mãe. A gente se declarava uma para o outro todos os dias. Era uma relação muito gostosa”.

Atualmente, ele apresenta o programa “Café com Selinho”, que é uma homenagem à mãe. Marcello recebe convidados que eram amigos e conhecidos de Hebe para resgatar histórias com a apresentadora e perpetuar o selinho mais famoso do Brasil. O programa vai ao ar todas as segundas-feiras, às 23h30, na TV Aberta São Paulo, e no canal do YouTube do apresentador. 

Marcello conta que sonha com a mãe todas as noites. Em muitas vezes, ela está o abraçando. “’A gente podia se encontrar pelo menos uma vez por ano, né! Sonho todas as noites com ela, em várias situações. Mas nada de tristeza, sempre com muita alegria. Sonho com minha mãe me abraçando, me beijando, cantando. É muito bom. Às vezes estou desanimado, triste, e ela vem me acalmando, me abraça, querendo dizer: ‘vá em frente, filho, estou aqui com você’”, emociona-se. 

Questionado que se pudesse encontrar Hebe mais uma vez, o que ele diria para ela? Marcello respondeu: "'mãe, você está feliz com que estou fazendo, está orgulhosa? Tenho sua benção?’. E claro que diria ‘mãe, eu te amo', como eu dizia todos os dias para ela e vice-versa", emociona-se.

“Vou morrer feliz da vida”

Hebe Camargo foi diagnosticada com câncer no peritônio, membrana que envolve os órgãos do aparelho digestivo, em janeiro de 2010. Em sua primeira gravação após 12 dias internada para a retirada de nódulos e para o início do tratamento quimioterápico, a apresentadora mostrou gratidão com fãs e celebridades que a apoiaram no momento. “Posso até morrer daqui a pouco, que vou morrer feliz da vida”, comentou em março daquele ano.

O velório de Hebe aconteceu no dia 30 de setembro sob forte comoção, com a presença também de celebridades e políticos. Um dos momentos mais marcantes foi quando Silvio Santos se aproximou do caixão e deu um selinho na apresentadora. Recentemente, a empresária Lilian Gonçalves participou do “Café com Selinho” e contou para Marcello Camargo que ouviu, durante o velório, Silvio Santos pedir perdão para Hebe. 

Em 2011, o apresentador deixou que Hebe saísse do SBT após 25 anos para trabalhar na Rede TV! Na época, ela estava descontente com as constantes trocas no horário do seu programa e nada foi feito.

“Eu estava perto do Silvio e vi que ele estava conversando em alto e bom som com a Hebe. Chegou a mexer no corpo dela e chamar ‘Hebe, Hebe’. Eu até pensei: ‘será que o Silvio está ficando louco?’ Porque a Hebe não iria responder. E aí, eu escutei ele perguntar: ‘Você me perdoa, Hebe?’. Depois, ele falou para Iris que ela tinha o perdoado e beijou na boca da Hebe. Pegou ela e beijou!”, narrou. A missa de um ano da morte da apresentadora foi celebrada por Padre Marcelo Rossi, no Santuário Mãe de Deus, em São Paulo. 

Mansão à venda

A mansão que Hebe Camargo vivia na zona sul de São Paulo está à venda. O imóvel ocupa um terreno de 7 mil metros quadrados. Quem cuidava da casa era o sobrinho da apresentadora, Claudio Pessutti. Desde a morte dele, em janeiro de 2021 vítima da Covid-19, a mulher de Claudio, Helena, passou a morar sozinha no local. 

“Mas a casa é muito grande. Estamos esperando finalização do inventário, que já está terminado, para ela e o filho do Cláudio, herdeiro também, negociarem o imóvel. Quando ela for vendida, eu terei uma participação. A casa tem um custo muito alto para manter", conta Marcello.

“Era uma casa para Hebe Camargo com todo aquele glamour. E uma coisa que gosto sempre de salientar que ela repetia é que tudo que minha mãe conquistou foi fruto do seu trabalho. Ela tinha orgulho disso”.

 


Compartilhe com os amigos!

Deixe seu comentário